segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

LAGUNA: ESTELIONATO - TESTEMUNHAS DE ACUSAÇÃO COMEÇAM A SER OUVIDAS.

Boa Tarde Lagunenses e Lagunistas

                    O processo que apura o envolvimento do Presidente da Câmara de Vereadores de Laguna, Roberto Carlos Alves (PP), como autor do maior Estelionato Imobiliário ocorrido em Laguna, caminha a passos lentos na Comarca de Laguna e nesta terça-feira, 09 de Dezembro, terá mais um capitulo.



         Todas as testemunhas de Acusação arroladas pelo Ministério Público, autor da ação, serão ouvidas a partir das 15 horas no Fórum de Laguna.

                 
                           Entenda o caso:  A 2ª promotoria pública de Laguna denunciou à justiça, por suposto estelionato, o presidente da Câmara de Vereadores do município, Roberto Carlos Alves (PP), pela suposta venda de lotes que não lhe pertenciam.

            Durante o inquérito penal, a promotora Sandra Goulart Giesta da Silva disse ter dados de que pelo menos 19 pessoas compraram terrenos do vereador sem saber que os imóveis pertenciam, na verdade, a outros proprietários. A denúncia foi oferecida na área criminal no dia 26 de maio sendo réu citado para defesa.

           Até o momento do ajuizamento da denúncia, segundo a promotora Sandra, foram constatadas 19 vendas irregulares entre dezembro de 2008 a outubro de 2012. Ainda de acordo com informações do Ministério Público de Laguna, Roberto Alves passou a vender os lotes que nunca lhe pertenceram e continuaram sob a propriedade de outra empresa.

                         Também em nota publicada pelo MP, o legislador agora é réu em uma ação penal pública por suposto crime de estelionato, de acordo com o artigo 171, parágrafo 2º, inciso 1º do Código Penal, com o agravante de tê-lo praticado de forma continuada, ou seja, mais de uma vez e em diversas ocasiões durante determinado período de tempo, o que pode resultar em pena de um a cinco anos de reclusão em regime fechado.

                         Atendendo ao pedido contido na denúncia, o juiz Renato Müller Bratti encaminhou cópia a todos os vereadores, para as providências previstas no código de ética e decoro parlamentar. “A decisão é dos legisladores para saber se ele continua ou não no cargo”, afirma a promotora Sandra. Porém, não foi o entendimento dos vereadores de Laguna que o mantiveram no cargo e, ainda por cima, o reelegeram para presidir a Câmara por mais dois anos. Em qualquer lugar do mundo, quando estourou o escândalo e com todos os indícios e provas, inequívocas, que foram apresentadas, o acusado de estelionato ja teria sido afastado e, quem sabe, estaria aguardando o julgamento preso.

                             Mas continuaremos aguardando o trâmite do processo para ver, quem sabe um dia, a justiça sendo feita e pessoas como a deste caso, paguem no rigor da Lei.

FORTE ABRAÇO

CRITICA LAGUNA

Veja mais aqui.




quinta-feira, 20 de novembro de 2014

LAGUNA- GRAVATÁ: UM DURO GOLPE AOS GANANCIOSOS!!!

Boa Tarde Lagunenses e Lagunistas

           A pouco mais de um ano, Laguna viveu um dos maiores movimentos em prol de seus paraísos ecológicos. Em uma manobra que "acabaria" com varias áreas de preservação permanente no Município de Laguna onde, a época, 07 (sete) dos 13 (treze) vereadores de Laguna, assinavam uma emenda Emenda do art. 45 e art. 39 da Lei de Zoneamento. Muitas discussões, troca de acusações, inconstitucionalidades e etc, fizeram a população de Laguna declarar Guerra ao Legislativo Lagunense que é comandado pelo vereador que é DENUNCIADO POR ESTELIONATO, justamente por problemas imobiliários. 


           Durante a cruzada do povo lagunense muitas batalhas se travaram, seja nas redes socias ou no auditório da Câmara. Com medo da reação da população, que ja havia comparecido em peso nas sessões para questionar a medida tomada pela maioria dos Vereadores, o Presidente da Casa, solicitou apoio policial, trancou a Câmara na sessão conhecida como Sessão do Cadeado e aprovou emenda que suprimia as APPs em Laguna. Neste mesmo dia, quatro horas antes da sessão, o auditório ja estava lotado, pessoas "a favor" da emenda, estranhamente, tomaram a câmara. Varias acusações de que seriam pessoas pagas surgiram de todos os lados. Enquanto isso, as pessoas contra a emenda e a favor das APPs foram tratadas como marginais do lado de fora da Câmara. Segue fotos.





           Após a aprovação da emenda, projeto foi para o Executivo que VETOU em sua integralidade as emendas que iam contra o município. O veto foi derrubado na Câmara sendo aprovada a Lei.  Porém o povo de Laguna, jamais, desistiu da luta.






       Desde então se travava uma luta na Justiça através de uma ADI (Ação Direta de Inconstitucionalidade) questionando a Emenda do art. 45 e art. 39 da Lei de Zoneamento. Vários capítulos foram escritos nesta cruzada entre a Preservação e a Degradação. Pessoas engajadas na luta se reuniram e colocaram em prática a ultima cartada que seria apresentar ao Ministério Público todas as provas que poderiam acabar com a pretensão, devastadora, dos sanguessugas que se instalaram na Câmara Legislativa de Laguna. Com as provas em mãos, o Movimento Natural e Cultural de Laguna levou ao Ministério Público aquilo que serviria de subsidio para que fosse proposta a ADI.

            Em Julgamento ontem, 19 de novembro de 2014, os  Desembargadores do tribunal de Justiça de Santa Catarina acataram a Ação Direta de Inconstitucionalidade - ADI n.2014.03493-5, reconheceram a inconstitucionalidade da emenda. Corrigindo a informação, o Relator não era o Des. Ledio Rosa e sim o Des. João Henrique Blasi, único que votou contra a ADI. Com isso, nossas APPs estão, novamente, protegidas. Um duro golpe para aqueles que foram eleitos para cuidar e proteger nossa cidade e, ao contrário, queriam degradar nossas belezas.

             Parabéns aos envolvidos!!! Agora vamos abraçar nossos paraísos.


                

FORTE ABRAÇO

CRITICA LAGUNA

Leia também: http://criticalaguna.blogspot.com.br/2013/11/laguna-plano-diretor-virou-balcao-de.html

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

LAGUNA: ELEIÇÕES 2016, A CORRIDA JA COMEÇOU!!!

Bom dia Lagunenses e Lagunistas

                    
               
        Você acha que 2016 esta longe? Para quem pensa no futuro, não. Ontem, em comentário a uma postagem na pagina do Critica Laguna no Facebook, o Meu Amigo e Mestre, Dr. Ruy Vladimir, que dispensa apresentações, AFIRMOU, que será candidato a Prefeito de Laguna em 2016. 

         Enquanto Promotor, Dr. Ruy atuou na comarca de Laguna por vários anos, sendo responsável por um, verdadeiro, choque de ordem na cidade desde sua chegada. Atuava nas causas em defesa da sociedade e  do Meio Ambiente, denunciando aqueles que insistiam em degradar nossa Laguna. Tive a oportunidade de trabalhar com Dr. Ruy, enquanto Acadêmico de Direito, tenho propriedade em falar.

            Na política, Dr. Ruy ingressou com o propósito de ver Laguna se desenvolver. Nas tratativas para o começo da campanha para a "mudança" de Laguna, Dr. Ruy era o principal nome para Vice na chapa de Everaldo, que sairia vencedora nas eleições de 2012, porem, depois de uma viagem a Aracaju, sua terra Natal, ao retornar a Laguna foi surpreendido com o anuncio da chapa Everaldo/Ivete. Lamentando o fato, ja que todas as tratativas eram para que ele fosse o vice, Dr. Ruy deu apoio a chapa acompanhando-os em vários compromissos de campanha. Com a vitória, Dr Ruy foi empossado Secretário de desenvolvimento econômico e social, permanecendo pouco tempo no cargo. Em carta de despedida, publicada no blog, Dr. Ruy esclareceu entre outros, o fato de "encontrar, na prática, um cenário muito diferente daquele exposto em campanha, foi um dos motivos da saida". 

                  A decisão de se lançar Candidato a dois anos do pleito foi pensada a um tempo e foi sacramentada com as inúmeras conversas que teve com muitos Lagunenses e Lagunistas nos últimos dois anos. Dr. Ruy, afirma, "caso não haja apoio dentro do Partido  para sua candidatura a Prefeito, ira levar seu projeto a outro, partido, que esteja disposto a participar de sua empreitada".

                   Agora é esperar o desenrolar.

FORTE ABRAÇO

CRITICA LAGUNA




                    

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

LAGUNA: SEM COMENTÁRIOS!!!

Bom dia Lagunenses e Lagunistas

               Sem comentários.



FORTE ABRAÇO

CRITICA LAGUNA

segunda-feira, 19 de maio de 2014

LAGUNA: O SILENCIO DO PP DE LAGUNA


Boa Noite Lagunenses e Lagunistas

           Como é possível todos se calarem diante dos últimos fatos ocorridos na Câmara de Vereadores, onde de um lado está o Vereador Kek do PP, e noutro o Presidente RCA.

      O Vereador tem sido forte em suas interpelações diante dos últimos acontecimentos, principalmente com relação a farra das diárias, fato marcante na ida de SETE vereadores a Brasília na última semana, ter uma audiencia com os Ministro manoel Dias e com o deputado Benedeti que TODA SEMANA ESTAO EM FLORIANOPOLIS. 

         Foi assim na votação do Plano Diretor, quando, indiscutivelmente, o Vereado Kek foi o mais ferrenho defensor da transparência e se colocou contra as manobras  feitas pelo grupo do Sr. RCA.

           Também não calou-se quando Vereadores “desapareceram” das sessões, prejudicando em muito ações importantes para o município.

          Agora, por não concordar com a vergonha que se tornou as “diárias” da Câmara, vem sofrendo uma perseguição implacável do Sr. RCA, que na semana passada exonerou sua única assessora parlamentar, como forma de castiga-lo por este não concordar com as ações do Sr. Presidente.

       Esta episódio, somado ao que retirou o Vereador Kek da Comissão de Justiça, marca um tempo nunca visto no Legislativo Lagunense, onde atos de perseguição pura vem sendo executados pelo Sr. Roberto Carlos Alves.

        Fato importante neste momento da política Lagunense é o silêncio do Partido Progressista de Laguna e até mesmo de Santa Catarina, uma vez que todos os assuntos são levados até a Capital.

          Surpreendente esta omissão, que a princípio não perece ter explicação, a não ser que o Sr. RCA tenha exercido também nos membros da Executiva o mesmo PODER que tem sobre alguns Vereadores.

        Será que veremos mais um capítulo de uma desastrosa fase da política acontecer em Laguna, onde, por querer a apuração de fatos, um Vereador esta sendo desumanamente atacado, e isto cometido por companheiro de Partido. Que força é esta que cala até os dirigentes estaduais??? Terá mesmo o Sr. RCA a maioria da Executiva do PP??? Mesmo que tenha, como pode prevalecer este silêncio diante de fatos tão claros de perseguição??? E o M.P. já conhece todos estes fatos??? Será que o Presidente Joares também demite assessores quando quer “punir” algum deputado???

          Aguardaremos os próximos dias, esperando que as ações sejam repelidas com reações a altura...


FORTE ABRAÇO
CRITICA LAGUNA